quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

As Crônicas de Nárnia - O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa - C.S. Lewis

Salve cari lectores!!

Como vão vocês??? Tudo bem??
Hoje continuarei a retratar as histórias de ‘As Crônicas de Nárnia’...
Antes de começarmos o resumo... vamos as curiosidade:
‘O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa’ foi o primeiro livro a ser escrito e transformado pela Disney em filme, e eu recomendo aqueles que não gostam muito de ler que assistam o filme, pois, em comparação á outros filmes que eu li o livro e assisti o filme (que por enquanto não faz muito sentido eu citá-los agora), esse foi o mais leal de todos!!
Bem, vou deixar as outras curiosidades para o final, que farão mais sentido!!  =)
Então falemos sobre a história de ‘O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa’...
Tudo começa quando quatro crianças: Pedro, Susana, Edmundo, Lúcia.Eles foram mandadas pela mãe a casa de um professor, pois a segunda guerra avia explodido em Londres, e para a segurança dos filhos, os mandou para esta casa de campo aos cuidados do velho professor (para aqueles que querem saber mais sobre ele aconselho a ler o meu post anterior, vai ser muito esclarecedor ;D).
A casa era gigantesca, avia um enorme jardim com lagos e bosques ao redor da propriedade, que todos estavam super empolgados para explorar no dia seguinte. Mas para a infelicidade deles amanheceu chovendo, e Pedro decidiu que se eles não ião poder explorar o jardim então eles poderiam conhecer a casa, e descobriram que ela era bem maior do que eles imaginavam.
Assim, eles foram andando pelos corredores (que pareciam não ter fim) e encontrando cômodos impressionantes. Quarto vazios (que parecia que ninguém nunca tinha dormido), bibliotecas com estantes com livros do cão ao teto (com exemplares muito raros), salões enfeitador com quadros e armaduras. Um pouco depois encontraram uma sala que continha apena um enorme guarda-roupas, e como que para crianças um guarda-roupas não é nada interessante todos saíram da sala, todos menos Lúcia (a casula),pois ela estava curiosa para saber o que tinha de tão importante dentro do guarda-roupa, assim quando ela abriu ele, avia lá dentro grandes casacos de pelo, os quais ela gostava muito de estar perto, por isso ela resolveu entrar dentro do guarda-roupas, mas não fechou a porta pois: ‘seria uma tolice se fechar dentro de um guarda-roupas’. Ela percebeu que nunca chegava no fundo dele, e de repente em vez de sentir os masis casacos, começou a sentir o que parecia com galhos de pinheiro, e sentir muito frio, quando andou mais um pouco percebeu que estava em uma clareira, e o mais estranho era que tinha um poste logo adiante. Aonde conheceu um fauno, e se tornou amiga dele, e ele contou coisas sobre este mundo novo para ela, e contou o que deveria fazer com ela (entregá-la a ‘rainha de Nárnia’ ou Rainha Branca) mas agora ele não queria mais fazer isso.
Ela voltou para casa contente e contou empolgada para os irmãos sobre a aventura que teve, mas eles não acreditaram e começaram a tirar saro dela, mas no outro dia (que continuava chovendo) eles foram brincar de esconde-esconde, e ela voltou ao guarda-roupa e seu irmão foi de atrás dela, mas ela não percebeu, e como ela (na primeira vez que entrou no guarda-roupa ficou muito assustado quando percebeu que estava no meio da neve em um bosque. Mas em vez de encontrar o fauno encontrou a rainha de quem ele gostou muito, pois ela avia lhe dado o seu doce preferido o manjar turco (eu tava encantado) e ela prometeu que se ele trouxesse seus irmãos para vela, ela o faria seu sucessor. Com essa idéia na cabeça ele voltou para casa e em vez de defender Lúcia, mentiu mais uma fez.
 Mas como o destino não falha, todos foram para Nárnia e seu inverno sem fim, lá comeram aventuras com o Sr. e a Sra. Castor e seus amigos para encontrar Aslam, para retornar a paz em Nárnia, mas Edmundo não concordava com isso e os traiu e quando chegou na rainha ela o traiu. Para a sorte de nossos pequenos aventureiros, o feitiço da rainha já estava se acabando por causa da chegada de Aslam, mas antes de eles o encontrarem, eles conheceram alguém que eles pensavam que não existia: o Papai Noel que lhes deu seu presentes, a Pedro o escudo e a espada, a Susana o arco e as flechas(para usar em muita necessidade) e a Lúcia um pequeno frasco com um liquido curativo e uma pequena adaga para a sua defesa. Assim continuaram sua jornada até encontrarem Aslam na Mesa de Pedra, aonde fizeram um plano para resgatar Edmundo (que ainda estava em poder da rainha) , e assim foi feito, mas por causa de uma antiga profecia (que ninguém sabia) Aslam trocou o menino por ele, o que só as duas meninas foram saber apos seguires ele á noite quando ele se encontrou com a rainha na Mesa de Pedra, aonde ele servil de sacrifício , mas o que a rainha não sabia é que quem não merecesse o sacrifício não morre. Assim na manha seguinte ele estava vivo e melhor do que nunca, então ele e as meninas foram até o castelo da rainha e Aslam fez viver novamente todos os seres que a rainha tinha transformado em pedra, e ele formou, assim, o seu exercito e foi ajudar Pedro a vencer o exercito monstruoso (no sentido literal=feio) da rainha, e assim que eles chegaram a vitória foi certa. Lúcia como seu liquido milagroso curou os feridos e Aslam trouxe de volta os que estavam em forma de pedra.
Os quatro foram coroados Reis e Rainhas de Nárnia, e cuidaram dela por muitos anos.
Como o destino não é bobo nem nada, aprontou mais uma. Um dia chegou a mensagem que o Veado Branco (um animal místico, que quem o captura-se, teria a chance de pedir tudo o que quisesse) avia retornado a Nárnia, eles foram atrás dele, e acabaram chegando em um lugar estranho mas que no fundo eles sabiam que conheciam, era um bosque novo e em seu interior avia um poste, e andando mais um pouco eles voltaram a sala do guarda-roupa, como se não tivese passado nenhum minuto desde que eles tinham entrado dentro do guarda-roupa.
Eles contaram tudo ao professor, e ele aconselhou a eles a não falarem nada a ninguém e também que por aquele caminho nunca mais voltariam para Nárnia. Então para quem eles poderão contar? Bem, só para quem já foi para Nárnia, e como eles saberiam? Você vê pelo olhar quem já esteve lá!!
                                                                                              Continua...
Pra variar, me delonguei de mais novamente, mas espero que tenham gostado!!
Então vamos a mais curiosidades de ‘As Crônicas de Nárnia’:   =D
·         Os nomes originais (os primeiros, depois Lewis mudou) das quatro crianças eram Ann, Martin, Rose e Peter.
·         O primeiro esboço de “O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa” não faz menção a Aslam.
·         “Aslam” é a palavra turca para designar “leão”.
·         O nome “Jadis” significa “feiticeira” na língua persa.( Rainha Branca =D)
·         Em quênia, lingua criada por Tolkin (O Senhor dos Anéis), amigo de C. S. Lewis, “Narn-îa”, significa algo como “profundeza dos contos”
·          Nárnia foi o nome de uma antiga cidade italiana, agora chamada Narni.
Mais curiosidades no próximo post!
Em breve mais histórias sobre Nárnia!!

Bugs..
:*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário